Experimente grátis
Entrar

Insights

« Voltar para a lista de insights

Aprendizagem baseada em projetos

Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP), ou Project-based Learning (PBL), é uma metodologia ativa que tem auxiliado professores e instrutores a enfrentar o novo cenário no campo da educação. Para auxiliar frente aos desafios da gestão educacional, a ABP foca nas vivências práticas, levando a uma maior participação dos alunos durante o processo de aprendizado.

Com isso, é possível criar experiências em sala de aula cada vez mais envolventes e significativas, que gerem de fato impactos positivos na vida dos estudantes.

O que é a Aprendizagem Baseada em Projetos?

A Aprendizagem Baseada em Projetos (ou Project-based Learning) é pautada e organizada na construção de conhecimento a partir de um longo e contínuo estudo, cujo propósito é atender a uma indagação, um desafio ou um problema.

Os estudantes iniciam um processo de pesquisa, onde iniciam o estabelecimento e criação de hipóteses, bem como o processo de procura por recursos para conduzir essa atividade. Envolve ainda a busca de uma aplicação das informações na prática, obtida até se alcançar um produto ou uma solução.

Ao iniciar com um problema ou desafio, onde não há respostas fáceis ou óbvias, isso exige que os alunos estimulem a imaginação, a busca por soluções, a troca de ideias e o trabalho em grupo.

Dessa forma, a ABP une o ensino e a prática, envolvendo o aluno na exploração do contexto e no desenvolvimento de soluções e ideias reais, a partir dos conhecimentos e da comunicação.

O uso de ferramentas é outra característica dessa metodologia. Os estudantes se utilizam de diversos recursos como gráfico, levantamentos, pesquisas, estatísticas, vídeos, aplicativos e programas. Com isso, eles podem demonstrar seus conhecimentos e soluções. Os mediadores podem ainda utilizar esses recursos e resultados para compartilhar com a turma os resultados e avaliações feitas sobre o desempenho dos projetos, enriquecendo ainda mais o processo.

A ABP tem como propósito integrar diferentes conhecimentos e fomentar o desenvolvimento de competências. Ao estimular a solução para problemas do mundo real permite o controle de quais aprendizados e habilidades serão adquiridos. Dessa forma, a metodologia pretende que os estudantes não só desenvolvam competências, como construam seus conhecimentos e trabalhem de forma colaborativa.


Willian Echeverria é Content Producer no Edupulses. Graduando em Psicologia e pesquisador em Educação, Aprendizagem e Metodologias Ativas. Willian se desafia todos os dias na busca de novas metodologias e ferramentas ativas que auxiliem no processo de ensino-aprendizagem.

Compartilhe