Sabemos que criar uma boa apresentação, seja para palestras, aulas ou treinamentos, e que prenda a atenção dos participantes, promova interação e aprendizagem é um grande desafio. 

Por isso, separamos para vocês 9 dicas que vão ajudar a criar excelentes apresentações. Não perca tempo e já comece a tomar nota. Vamos começar!

Não decore seus slides

É muito importante que você domine o conteúdo e tenha clareza na abordagem e método ao longo da apresentação.

Não existe nada mais monótono que uma apresentação robotizada em que tudo aquilo que está aparecendo na tela também está sendo “ditado” pelo apresentador.

Encontre imagens, diagramas, fotos, gráficos ou esboços que realmente tenham conexão com o assunto e que ajudem seu público a aprender, e não apenas para enfeitar.

Além disso, existem algumas dicas bem legais para você se preparar física e mentalmente para esse momento. Se liga nessa que separamos da “Catraca Livre” sobre exercícios para oratória que podem ajudar sua preparação.

Tenha slides suficientes

Todos sabem que slides demais atrapalham… tenha slides suficientes para ajudar a explicar os pontos que você está expondo. Lembre-se: ele é apenas um recurso para auxiliar a recordar pontos importantes.

Dica extra!?

Crie o layout de seus slides utilizando sua conta do Canva diretamente no Edupulses. Dessa forma, você aproveita os templates e funcionalidades do Canva na construção dos slides no Edupulses. É super fácil e rápido de fazer.

Além disso, toda vez que precisar editar os slides da sua apresentação, mudar alguma imagem ou texto, poderá fazê-lo diretamente no Edupulses. Muito legal, não é mesmo!??

Use recursos visuais

Escrever no quadro ajuda a prender a atenção do seu público, pois o conteúdo é apresentado aos poucos e todos precisam olhar atentamente.

Imagine permitir também que os participantes interagem nessa construção. Uma nuvem de palavras poderá auxiliar na compreensão dos conceitos (faça você mesmo ou permita que os participantes criem a nuvem de palavras, com o Edupulses).

Outra possibilidade é utilizar a atividade “Texto Aberto” para ter um resultado semelhante. Isso vai fazer toda a diferença na sua apresentação e também fica muito bonito para quem está assistindo.

Aliás, organizar alguns conceitos em quadros junto com o público pode ajudar na retenção do conhecimento durante sua apresentação. Uma dica é utilizar o “Quadro Colaborativo” do Edupulses junto com eles.

Use “animações” para ajudar na explicação, mas cuidado!

Animação demais podem prejudicar a atenção do público. Isso acontece, pois pode ter efeito contrário ao esperado desviando o foco do conteúdo que quer ser transmitido. 

Entretanto, quando bem utilizada, favorece que os participantes acompanhem o que está sendo explicado. Preste bastante atenção se a animação escolhida tem relação com o conteúdo de alguma forma ou se auxilia na exemplificação do tema.

Essa animação pode ser um vídeo curto que pode ser enviado aos participantes ou até mesmo um gif que sintetize de alguma forma o conteúdo.

Cuidado com o excesso

Sabemos que você pode ter muito conteúdo para passar para seu público e estar empolgado(a) para mostrar tudo que precisam aprender. Porém, muito texto, gráficos confusos, muitas figuras podem atrapalhar o entendimento e prejudicar a retenção do conhecimento. 

Para que sua apresentação seja matadora, é importante equilibrar o que será apresentado com outras atividades, dinâmicas, histórias, pequenos projetos ou desafios e exemplos.

Um mix equilibrado vai criar também um sentimento de continuidade (“flow”) com os participantes ao longo de toda a apresentação, fazendo com que eles não sintam o tempo passar.

Por fim, é superimportante se atentar ao tempo total das atividades e tente nunca ultrapassar o que foi previamente acordado com o público.

Previsibilidade evita que os participantes parem de focar no conteúdo para pensar no almoço, questões relacionadas ao trabalho ou casa, problemas que tinham que resolver após a apresentação, etc.

Realizar o encerramento no tempo certo ou até mesmo alguns minutos antes pode ajudar a criar um clima de “Quero Mais”!

Colha Feedbacks dos Participantes

Dando continuidade ao item anterior, você precisa entender se o seu público gosta da forma que você está apresentando e se o conteúdo foi suficiente, raso ou complexo demais.

Por isso, não deixe de utilizar o recurso de coletar feedbacks ao final da sua apresentação. Nessa hora, alguns cuidados são importantes. 

1 – Não deixe para enviar a pesquisa ou avaliação para muito tempo após a apresentação. Muitos poderão ter outros compromissos e se esquecerem de responder.

2 – Fazer diretamente ao final é uma boa ideia, mas cuidado para manter o anonimato da pesquisa para não expor e constranger o púbico. As respostas podem acabar sendo pouco honestas nesse caso. Isso vale tanto para o presencial quanto no online!

Como sugestão para fazer algo simples, rápido e divertido, você pode criar uma “Nuvem de Palavras” ou a atividade “Múltipla Escolha” para coletar feedbacks ao final!

Nesse segundo caso, você pode até calcular o NPS (Net Promoter Score) seguindo essas sugestões que gostamos bastante da RockContent. O NPS (Net Promoter Score) mostra a fidelidade dos seus clientes, mas aqui pode ser adaptada para mostrar a probabilidade dos participantes lhe recomendarem para colegas ou amigos.

Esses feedbacks serão imprescindíveis para você aprimorar continuamente, saber o que manter e o que precisa ainda ser trabalhado.

Conte histórias (storytelling)

As histórias certas, contadas em detalhes, podem transformar sua apresentação, dando vida ao conteúdo que você quer passar aos participantes.

Com histórias, além de fazer com que os participantes entendam melhor o conteúdo, essa estratégia pode criar uma conexão ainda maior de todos com você.

Para dicas de storytelling recomendamos o infográfico criado pela viverdeblog que certamente vai ajudar com insights poderosos para sua apresentação no Edupulses.

Use ferramentas de interação

Quantas vezes você se perguntou durante uma apresentação se os participantes estão de fato prestando atenção no seu conteúdo?

Algumas vezes chega a ser assustador, não é mesmo? Mas, você pode ter um grande aliado nesse momento! ?

As ferramentas de interação possibilitam que seu público fique mais ativo, se sinta coautor da apresentação, aumentando a retenção do conhecimento.

Dê mais protagonismo para o seu público na construção do conhecimento. Que tal experimentar o Edupulses?

Transforme a apresentação

Nossa última dica trata da organização da sua apresentação.

Prender a atenção do público por muitas horas é um desafio. Dessa forma, divida suas apresentações em blocos, usando interações, vídeos, discussões, exercícios. Isso fará que seu público continue interessado. É a ideia de “flow” que comentamos anteriormente.

Esperamos que tenha curtido esse conteúdo e que ele auxilie você na preparação da sua próxima apresentação! 

Caso tenha interesse em conversar sobre como o Edupulses pode te ajudar ainda mais nas suas próximas apresentações, mande uma mensagem para gente! Será um prazer receber você na nossa comunidade. 

Para acompanhar dicas fresquinhas toda semana como essas, não deixe também de nos acompanhar nas redes sociais:

  • LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/edupulses/
  • Instagram: https://www.instagram.com/edupulses/
  • Facebook: https://www.facebook.com/edupulses

Adaptado de: BIECH, E. 101 more ways to make training active. New Jersey: Wiley, 2015.

Atualizado por: Pedro Carneiro